segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Sabes como usas o tempo?

Por culpa de um post da Rita, decidi experimentar o exercício que ela propõe para iniciar uma rotina organizada no dia-a-dia. 

O exercício é simples e consiste em apontar durante uma semana, todas as tarefas do dia-a-dia e quanto tempo consomem cada uma delas.

Por exemplo:
23h às 7h – Dormir;
7h às 8h – Rotina da manhã (banho, vestir, comer, etc.);
8h às 9h – Transportes até ao trabalho

Tal como ela explica aqui.

O propósito do exercício é não só termos ideia do tempo que precisamos em cada tarefa, mas também, perceber se algumas tarefas não estão a ocupar demasiado o nosso tempo, impedindo-nos de fazer aquilo que REALMENTE é importante e que vai ao encontro dos nossos objectivos de vida.

Eu achei a ideia do exercício genial, e estava curiosa para saber quanto tempo eu gastava em determinadas tarefas.
No início foi complicado e às vezes fastidioso, pois até me habituar a ter que apontar todas as coisas que fazia, custou. Muitas vezes esquecia-me e depois tinha que pensar um pouco para apontar tudo, mas ao final de uma semana já era mecânico.

Monotonias à parte, no final de uma semana e depois de contas feitas, o resultado compensou largamente o trabalho e fiquei de queixo caído. Senão vejamos alguns resultados:

Fiquei a saber que durante o meu horário de trabalho, não estava a produzir quanto eu julgava. Apesar de não ter qualquer responsabilidade nesse facto, este resultado foi revelador e levou-me a pôr em causa a razão pela qual eu estava a desempenhar aquelas funções, e qual a importância que aquele trabalho tinha para mim. 

Descobri que durante a semana, durmo cerca de 7 horas por dia e ao fim de semana 9. E que em média preciso de 45 minutos por dia, para completar a minha rotina da manhã sem pressas e stress.
Resultado que me ajuda bastante a perceber com quanto tempo de antecedência tenho que acordar para poder sair de casa num determinado horário. 

Tomei consciência de que durante a semana, gasto cerca de 2h10 por dia, em transportes (casa-trabalho-casa). Esta é um das rubricas que mais me custa olhar. Mas é o que é, e revela coisas importantes.

A rubrica que eu tinha mais curiosidade era a da "Internet", pois sabia que despendia nela mais tempo do que devia. É como um íman, uma coisa leva à outra e as horas passam sem darmos por elas. Pelo menos comigo é assim!
Durante a semana ao final do dia, passo em média 1h30/dia na Internet. Fora as vezes que o faço em break, no trabalho.
E a pior de todas: num fim de semana passado em casa (um fim de semana atípico, é certo), gasto cerca de 14 horas a navegar na Internet. Uma média de 7 horas por dia, portanto.
Escandaloso no minimo!

E são estas as rubricas mais relevantes para mim.
Eu realizei o exercício durante uma semana mas acho que o prazo pode ser alargado, claro. E acho importante também fazê-lo com alguma regularidade. 
O melhor de tudo é que agora tendo consciência dos factos, posso tomar medidas. Posso organizar-me melhor para alcançar os meus objectivos.

É simples e muito útil. Alguém quer experimentar? 

Sem comentários:

Enviar um comentário